Usado do mês: Nissan Versa S 1.0 2016

NovidadesQual comprarUsados


Escrito por:

Sedã da Nissan, que passará por facelift, pode ser comprado por cerca de R$ 36.000.

Faróis amplos e duas grades realçam a dianteira.

Quando começou a ser importado do México, o Nissan Versa logo de cara chamou atenção pelo design polêmico da traseira, considerada antiquada. Em 2020, porém, a marca japonesa vai mudar o jogo e lançará a nova geração do sedã, com visual bem mais moderno.

Quem não se importa tanto com a aparência pode encontrar Versa 0 km com bons descontos nas concessionárias. Ou, dependendo do dinheiro disponível, optar pelo seminovo. A versão Nissan Versa S 1.0 2016, por exemplo, custa na faixa de R$ 36.000 a R$ 40.000 em unidades anunciadas no site AUTOLINE.

O desenho da traseira é o ponto fraco do sedã.

O Versa está em uma prateleira abaixo do Nissan Sentra, mesmo assim, é um sedã confortável para cinco pessoas e passa a impressão de ser um modelo maior do que realmente é. Ele mede 4,49 m de comprimento, 1,69 m de largura, 1,51 m de altura e 2,60 m de distância entre-eixos.

O porta-malas é amplo, podendo acomodar 460 litros de bagagem. Só não cabe mais coisa porque a articulação da tampa, do tipo “pescoço de ganso”, rouba um pouco de espaço.

O Nissan Versa S 2016 é impulsionado pelo motor 1.0 flex de três cilindros, que desenvolve 77 cv de potência a 6.200 rpm e torque de até 10 kgfm a 4.000 rpm. Ele faz 162 km/h de velocidade máxima e acelera de 0 a 00 km/h em 16 segundos.

Parece pouco para um automóvel desse porte, mas não é. O conjunto motriz – que inclui o câmbio manual de cinco marchas – dá conta do recado e deixa o sedã da Nissan econômico.

A cabine tem bom espaço para cinco pessoas.

Abastecido com etanol, o Versa S 2016 roda 8,8 km/l na cidade e 10,5 km/l na estrada. Com gasolina no tanque, as médias de consumo saltam para 12,9 km/l em percurso urbano e 15,3 km/l na rota rodoviária.

O nível de equipamentos da versão de entrada do Nissan Versa é razoável. Ele oferece de série desembaçador de vidro traseiro, alarme antifurto, ar-condicionado, rodas de liga leve, direção assistida, volante multifunção, computador de bordo e conexão USB.

O Versa já foi convocado pela Nissan para três recalls, mas nenhum deles envolveu a versão S 1.0. Portanto, uma boa notícia: o modelo jamais apresentou algum defeito de fabricação.

 

Fotos

Créditos – Divulgação/Nissan

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *